Música Celtica

Exercícios Terapêuticos

Exercícios Terapêuticos
O universo está em constante movimento. O movimento significa vida. O movimento de uma espiral de energia vitaliza a célula única que marca o início de nosso tipo de vida humana. À medida que esse tipo de vida evolui, nós nos constituímos em um ser que constantemente troca energia com o cosmo. À medida que esta energia passa através de nós, ela nos alimenta, nos nutri e cria o movimento interno e externo de nossas vidas. Na expressão natural deste intercâmbio encontramos nossa saúde. O intercâmbio de energia é aumentado pelo movimento, e o movimento perfeito do corpo é uma extensão do interior para o exterior enquanto recebe estímulos que movem do exterior para o interior. (Greg Broòshy)

Translate

30.3.14

Mulheres repudiam "portaria da morte" do Ministério da Saúde


       enviar por e-mail
 


O repúdio à edição da Portaria 1253 pelo Ministério da Saúde, que limita a realização de mamografia bilateral para as mulheres entre 40 e 49 anos de idade ficou bem visível hoje (25/3), em reunião de audiência pública que ocorreu na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados. 
O Ministério, na tentativa de sensibilizar os presentes para a “justeza” da Portaria, teve a infeliz ideia de enviar uma mulher,  a Coordenadora-Geral de Atenção às Pessoas com Doenças Crônicas do Ministério da Saúde, Patricia Sampaio Chueiri,  para tentar defender o indefensável.
Do outro lado, representantes da FEMAMA - Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama,  da  Sociedade Brasileira de Mastologia e do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde – CONASEMS, observados de perto por dezenas de mulheres que ocuparam o Plenário da Comissão, pediam a sustação imediata da Portaria o que, aliás, já é objeto do PDC 1443/2014, do deputado Cesar Colnago, que esteve presente à Audiência e afirmou que “além de uma perversidade social, a Portaria fere a legislação federal vigente desde 2008 que obriga o oferecimento pelo SUS da mamografia bilateral, para mulheres a partir de 40 anos de idade. Querendo reduzir custos para o SUS, a medida pode, concretamente, aumentar o número de mortalidade de mulheres por câncer de mama”  

Fonte: César Colnago

Nenhum comentário:

Postar um comentário